RESENHA: OS GUARDIÕES DE TED SANDERS.

fevereiro 02, 2018

OS GUARDIÕES : A CAIXA MÁGICA E A LIBÉLULA

  • Páginas : 384 ;
  • Editora: Gutenberg; Edição 2017 ;



RESENHA SEM SPOILERS




Tudo começa com o protagonista Horace, que tem uns 13 anos, vendo seu nome numa placa de rua, apesar de ele considerar isso loucura, já está curioso demais para tentar esquecer e vai investigar. Ele acaba indo parar num lugar subterrâneo chamado “a morada das respostas”, que aparentemente não abrigava nenhuma resposta para suas tantas perguntas naquele instante.
Pulando muitos detalhes para não dar nenhum spoiler, ele acaba encontrando um instrumento único, e no decorrer da história ele cria uma certa conexão com esse tal instrumento, descobrindo que ele é nada mais, nada menos que o guardião desse objeto, que ele sequer sabe para o que serve.
A história não gira só em torno dele, Horace conhece outros guardiões e outros subsolos, e juntamente com esses outros guardiões, ele precisará combater um inimigo e seus comparsas, que querem rouba-los por não considerarem os seres humanos dignos de proteger os objetos, inimigos esses que são descendentes dos criadores desses instrumentos misteriosos que os guardiões foram escolhidos para guardar.
Tem tanto detalhe nesse enredo que não posso falar muito mais do que isso sem dar indícios do que acontecerá, mas pode ter certeza que nele você encontrará muitos fatos inusitados que vão te deixar perplexos, muita ação do começo ao final, nenhuma pitadinha do clichê e romance zero, o que é muito difícil não encontrar num livro hoje em dia. O livro é surpreendente, vale incrivelmente a pena.

Sempre digo em minhas resenhas que sou um pouco suspeita quando falo de ficção fantástica por se tratar do meu gênero literário preferido, só que esse livro é simplesmente brilhante. 
O livro é narrado em terceira pessoa, o que é algo que eu admiro demais num escritor. A escrita não é tão leve, mas também não dá para classificar como densa, fica ali no ponto intermediário entre os dois tipos. A qualidade da narração é espetacular, a obra tem uma riqueza absurda de detalhes, tanto em descrição de personagens e cenários, como no desenrolar do enredo em si. Gostei muito do fato de os personagens serem ainda meio crianças, o que tornou, pelo menos para mim, tudo ainda mais mágico, porque crianças trazem a inocência e imaginação sem limites para qualquer universo.
De acordo com as minhas pesquisas ele é o primeiro livro de uma trilogia. Foi lançado em 2017 pela editora Gutenberg aqui no Brasil.

O livro é maravilhoso, foi uma experiência incrível, um dos melhores livros que já li em toda a minha vida. 5 estrelas, super hiper mega favoritado, sem sombra de dúvidas.







Giovana Schostak || SetBooks


Você também vai amar:

2 comentários

Subscribe